Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Alguns Temas Fundamentais

O Batismo em Água

Acreditamos na doutrina do batismo em água, pois trata-se de um dos mandamentos com um significado espiritual muito profundo, ao qual o mesmo Senhor Jesus fez referência, como se observa em Mateus capítulo 28.

19 Portanto, ide, e fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em Nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; 20 ensinando-lhes a guardar todas as coisas que vos tenho ordenado. E eis que Eu estou convosco todos os dias até a consumação dos séculos.

O crente deve ter a capacidade e a maturidade suficientes, para tomar a decisão de se batizar em agua. O Senhor em Marcos 16 demanda que é necessário acreditar, pelo qual, um recém-nascido, um bebê, ou uma criança, ao não compreender com exatidão a dimensão do ato que está a realizar, não é sujeito deste batismo.

16 Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado.

A bênção deles, das crianças, está salvaguardada pelo Senhor, segundo 1 de Coríntios 7, pela dedicação de seus pais perante Deus, até que comecem a serem responsáveis diante de Deus e a terem a maturidade necessária que demanda o Crer em Cristo.

14 Porque o marido incrédulo é santificado em sua mulher, e a mulher incrédula no marido, pois, de outra maneira, vossos filhos seriam imundos, enquanto agora são santos. 

Respeito deles, então, o que corresponde à Igreja é seguir o exemplo de nosso Senhor Jesus, que sendo criança, foi trazido ao templo para ser apresentado. Achamos essa passagem no capítulo 2 de Lucas.

25 Havia em Jerusalém um homem chamado Simeão; esse homem era justo e devoto, aguardando a consolação de Israel; e o Espírito Santo estava sobre ele. 26 O Espírito Santo lhe comunicara que não veria a morte antes de ver o Cristo do SENHOR. 27 E, movido pelo Espírito, veio ao Templo; e, quando os pais introduziam o menino Jesus para fazer o que o costume da Lei prescrevia sobre Ele, 28 ele O tomou nos braços e bendisse a Deus, dizendo:

Ou inclusive, quando Jesus Cristo mesmo, apresentou algumas crianças perante Deus, em Mateus 19.

13 Trouxeram-Lhe, então, algumas crianças, para que lhes impusesse as mãos, e orasse; mas os discípulos os repreenderam.
14 Jesus, porém, disse: Deixai os pequeninos, não os impeçais de vir a Mim, porque deles é o Reino dos céus. 15 E, tendo-lhes imposto as mãos, retirou-se dali.

Ora, mediante o ato do Batismo em Água, crente, simbolicamente, morre, é sepultado e ressuscita juntamente com Nosso Senhor Jesus para uma vida nova. Assim, o ensina no detalhe o Apóstolo Paulo nas cartas que dirigiu aos Romanos, no capítulo 6, e aos Colossenses no capítulo 2.

4 Fomos, pois, sepultados juntamente com Ele para a morte por meio do batismo, a fim de que, como Cristo ressuscitou dos mortos pela Glória do Pai, assim também andemos em novidade de vida.

12 tendo sido sepultados com Ele no batismo, no qual também fostes ressuscitados com Ele, mediante a fé na força ativa de Deus que O levantou dos mortos.

Então, sobre o Batismo em Água destacassem várias passagens da Bíblia, mas somente façamos referencia ao vivido pela Igreja em Samaria, segundo Atos dos Apóstolos, no capítulo 8, passagem na qual ressalta-se esse batismo, “No Nome de Jesus”, e além disso, menciona, o Batismo com o Espírito Santo.

14 Quando os apóstolos, que estavam em Jerusalém, ouviram que Samaria recebera a palavra de Deus, enviaram-lhe Pedro e João; 15 os quais desceram para lá e oraram por eles para que recebessem o Espírito Santo; 16 porque não havia ainda descido sobre nenhum deles, mas somente foram batizados em Nome do Senhor Jesus. 17 Então, impunham-lhes as mãos, e recebiam o Espírito Santo.

Por último, a Bíblia ensina que o crente, ao se batizar em agua somente, não fica limpo do pecado ou das imundícies, mas compromete-se sim com Deus a viver melhor, esforçar-se por mudar, e colocar da sua parte todo quanto lhe for possível por agradá-lo a Ele, para que desse modo avance para uma vida nova, em perfeição, diante de Deus. O Apóstolo Pedro o indicou assim no capítulo 3 da sua primeira Carta.

21 O batismo, que corresponde a isso, agora nos salva (não tirando as imundícies da carne, mas como resposta de uma boa consciência para Deus) pela ressurreição de Jesus Cristo,

Pages: 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13